"NA MINHA PELE - Lázaro Ramos fala de racismo, preconceito e discriminação
LOGOTIPO DNEGOCIOS

LIVROS





NA MINHA PELE
Lázaro Ramos


"Se posso fazer alguma sugestão, aconselho que abra este livro não para encontrar minha biografia, mas para ouvir as vozes dos que estão ao meu lado".


Uma luz sobre o racismo

As muitas culturas, as muitas raças, etnias, e grupos sociais devem ser considerados valores positivos que somam a favor de todos, e não adjetivos que nos distanciem uns dos outrosNa minha pele ou que possam nos ameaçar. No livro ”Na minha pele”, Lázaro Ramos reflete sobre esses temas a partir de episódios de sua vida, suas dúvidas, conquistas e descobertas. O livro lança uma luz sobre o racismo e mostra a importância do diálogo na luta pela aceitação das diferenças num mundo ainda cheio de preconceitos. Um livro sério, realista , surpreendente e revelador, capaz de melhorar nossa conduta e nos fazer ver o nosso próximo como pessoas.

uma conversa em andamento.

O livro “Na Minha Pele”, foi lançado em julho pela companhia das letras. Nele, o autor Lázaro Ramos tem uma conversa franca e agradável com o leitor, acerca de suas experiências pessoais e, principalmente, de suas reflexões sobre temas como a importância que se dá à pele que habitamos. A narrativa segundo ele, conta com a contribuição de personagens que se reuniram para trocar informações, sentimentos e reflexões sem nenhuma expectativa de serem verdades absolutas. É uma conversa em andamento.

Relatos de experiências pessoais e memórias

O tempo que você dedica à leitura desse livro é um excelente investimento porque trata-se de relatos de experiências pessoais e memórias a partir das quais o autor desenvolve temas como racismo, respeito às diferenças, consciência individual e coletiva, formação de identidade, família e gênero, sem vitimismo e com extrema objetividade.

Queria que percebessem o que para mim era tão claro.

“Ter passado a conviver com pessoas que não refletiam sobre o racismo no seu dia a dia - diz o autor - me fez buscar argumentos para inserir esse tema nas conversas. Queria que percebessem o que para mim era tão claro. Queria dividir sem medo minha sensação de entrar num restaurante e ser o único negro no lugar. Queria mostrar as riquezas da cultura afro-brasileira, da qual eu tanto me orgulho e que é tantas vezes ignorada”.

Sempre que eu falar de mim estarei também falando sobre você.

“Esta viagem só é possível porque redescobri um mundo que é meu, mas que não pertence só a mim. Ele é parte de uma busca que todos nós temos que fazer para compreender quem somos. Por isso, sempre que eu falar de mim neste livro estarei também falando sobre você. Ou, ao menos, sobre essa busca saudável por identidades. Se posso fazer alguma sugestão, aconselho que abra este livro não para encontrar minha biografia, mas para ouvir as vozes dos que estão ao meu lado.

“Na minha pele” tem como estratégia provocar nas pessoas o desejo de iniciar um novo projeto de mundo.

Sei que encontrei em você uma companhia. Não importa se escolheu este livro numa livraria, ou o ganhou de presente de um amigo, ou quem sabe você o encontrou jogado num canto e começou a folheá-lo por acaso. “Na minha pele” tem como estratégia provocar nas pessoas o desejo de iniciar um novo projeto de mundo. Provavelmente nunca saberei quem é você, mas o importante é que o milagre aconteceu e agora estamos juntos, vestindo a mesma pele, esta pele que viaja conosco e que nos antecede.

Se você quer saber quanto custa ou quer outras informações sobre o livro do Lazaro Ramos, clique num dos link abaixo:

LIVRARIA CULTURA            SARAIVA            LIVRARIA DA FOLHA



LOGOTIPO DNEGOCIOS


www.trivago.com.br








Seleção de Livros! Clique e confira.





Lingerie Sale



SandroMoscol